terça-feira, novembro 04, 2003

As viagens de Marcelo

Leio num artigo da revista Viagens uma entrevista a Marcelo Rebelo de Sousa, onde este diz ter começado a viajar aos 4 anos e que nunca mais parou. Escolhe com critério os seus destinos, prepara com cuidado as suas viagens, estuda horários e itineránios, previne contratempos e dificuldades, prepara alternativas. Uma boa viagem "é feita de muita organização e vários improvisos".
O prazer de viajar tem a ver com o tempo, por isso, "os destinos devem variar de acordo com as estações.
Aqui ficam as sugestões do Professor Marcelo:
"No Inverno para quem goste de ski - S. Moritz, ficando no Palace ou no Hotel Kulm. Ou então, como praia, no Rio, no Copacabana Palace. Ou ainda, indo para fora cá dentro, a Madeira - no Reid's, claro."
Para a Primavera, Marcelo Rebelo de Sousa sugere um programa para melómanos como ele: O Maio Florentino. Para a estadia - o Hotel Excelsior, mesmo ao lado da Ópera.
"No Outono, Paris, ficando no familiar Hotel Verney. Ou Munique, no Vierjahren (tudo com música à mistura)."
No Verão, tempo de descanso e veraneio por excelência, um programa mais elaborado. "Para começar, Itália, em Veneza no Cipriani. Depos, a Grécia num dos clássicos Astir. Ou a Turquia, no Ciragan de Istambul.
Finalmente, já na transição para o Outono, Salzburgo, com mais música, no Goldener Hirsh ou no Schloss Fuschl."
Mas o Professor afirma que se pode viajar mais barato. Basta haver experiência e imaginação.
E aqui ficam as preferências de um homem que Portugal se habituou a ouvir aos Domingos à noite!

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial