segunda-feira, julho 14, 2003

O prazer da programação



Quantas vezes viajamos em casa, no escritório, no carro, em conversa e até em sonhos.
O prazer de viajar vai muito para além da própria viagem. O entusiasmo começa imediatamente quando decidimos que estamos com disposição para fazer uma viagem. A partir desse momento descolamos a cada site visitado, a cada prospecto analisado, a cada mapa estudado.
Ao viajante de hoje é oferecido uma imensidão de informação que faz com que essa arte da preparação tenha ganho requintes antes desconhecidos. Hoje, podemos saber ao pormenor os horários de comboio de um longínquo país, as exposições itenerantes de um museu, a programação detalhada das festas de uma aldeia e isso, sem dúvida, enriqueceu o prazer da nossa preparação.
Esse sonho construído através da preparação faz com que eu ande sempre em viagem.
Há sempre um embrião de viagem dentro de mim, que vai crescendo à  medida que a informação vai chegando. Muitas vezes não chego a partir efectivamente, mas nada, nem ninguém, já pode roubar as muitas sensações, alegrias e conhecimento que fui tendo na preparação dessa viagem.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial